Peeling Químico



O que é ?

É um procedimento médico que acelera o processo de renovação da pele e estimula a produção e reorganização do colágeno que é a substância responsável pela firmeza da pele.

Como funciona e quais os resultados ?

O Peeling promove um processo de esfoliação que produz uma descamação da pele, com posterior regeneração do tecido. Assim o resultado clínico é:

  • Suavização das linhas de expressão (rugas)
  • Melhora geral da textura e cor da pele
  • Estímulo de colágeno
  • Remove camada córnea, promovendo afinamento da pele
  • Melhora a ação dos ativos, preparando a pele para a recepção de tratamentos novos.
  • Atenua as manchas da face que são adquiridas pela exposição solar
  • Suaviza a textura da pele
  • Ação de reestruturação e hidratação da pele
  • Melhora cicatrizes e manchas de acne superficial
  • Atenua os poros dilatados e diminui oleosidade

    Os peelings superficiais são os mais adequados para quem deseja melhorar a aparência da pele, sem deixar de exercer suas atividades diárias. A descamação é discreta, não impedindo o convívio social, e a melhora da pele é percebida gradualmente desde o início do tratamento. Por exemplo os com ácido salicílico, ácido mandélico e glicólico.

    Os efeitos dos ácidos sobre a pele podem aparecer mais rapidamente quando utilizados em alta concentração (peelings de média profundidade). Por exemplo os ácido retinóico, resorcina, fenol e ácido glicólico.

    A associação do uso contínuo e frequente de ácidos noturnos domiciliares na forma de cremes junto com os peelings feitos no consultório fornecerão resultados melhores do que apenas um dos métodos isoladamente.